Traduzir blog

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

Bem-Vindo



Ao ler um artigo, dê um click em + 1 ou compartilhe na sua rede social!!!


quinta-feira, 29 de abril de 2010

Pantarei!!!

Bem, surgiram perguntas acerca do nome desta página, Pantarei.

Panta (panta) é a palavra grega que significa, todos, ou todas as coisas; rei, em latim significa também coisa, ou todo se referindo a um total de algo. Todas as coisas.

Estava pensando em o que devia por e me veio este nome, eu gostei e ficou. Todos somos chamados a unidade em Cristo, no amor, “ut unum sint” “para que todos sejam um”, diz Jesus no Evangelho, por isso o endereço da página começa com todos1. Pantarei, todos nós é para dar um caráter de abertura ao blog, já que posso assim escrever de outros temas, filosofia, ou outras coisas mais como é descrito inicialmente no blog.

Ah! Ademais como informação, Pantarei, também é uma teoria de um filósofo grego na antiguidade, Heráclito (dizia ser o fogo o primeiro princípio das coisas) e usava tal palavra para dizer que tudo muda, por isso o fogo como primeiro principio, pois significa a mudança, e mesmo tudo mudando também segundo a teoria filosófica dele, tudo permanecia uno, se define ele como monista(tem a ver com um, único) movilista(tem a ver com mudança). A teoria não é tão simples, mas de modo geral com isso já se tem alguma informação.

Abraço a todos vocês!

EHC

Quem sou eu?

Estimados leitores do outro lado da tela, sou brasileiro, goiano do “pé rachado”, católico, acho que se percebe. Eduardo Henrique da Costa, assim me chamo, ou melhor, é meu nome, já que na verdade muitos me chamam pelo meu apelido.

Assim vamos conhecendo-nos melhor pouco a pouco; uma das pessoas que lêem esta página, sabendo quem sou me perguntou por que ademais do artigo de abertura, o primeiro de todos, não escrevia algo pondo quem é EHC, que não se indicando o contrário é quem escreve cada artigo, bem aqui está.

Logo os escreverei mais. Ótima semana para todos vocês.

AH! Por favor, escrevam dizendo que acham ou que podemos melhorar, ou sugerindo algum tema, ou não sei alguma pergunta, pois, podendo ser respondida e qundo tenha o temppo suficiente aqui responderei. Grato.

EHC

Pensar!!!

Olá, o texto a seguir se pode dizer que é uma continuaçao do texto a arte de pensar! Recomendo que se leia antes, para assim dar continuidade, mesmo que se possa entender este sozinho, em fretnte!!!

O ser humano em filosofia se define classicamente como “individua substancia rationalis naturae” “substancia individual de natureza racional”, ou também mais simples animal racional. Por natureza somos compostos de um intelecto, ao contrário de qualquer outro animal somos capazes de pensar sobre nosso agir, sobre o mundo a nossa volta, somos conscientes dos nossos atos em nosso estado normal. Podemos dizer que somos filósofos num sentido amplio da palavra por natureza, porque então muitas vezes agimos como animais irracionais.

Cada pessoa sana pode pensar e chegar a ser um filosfo não profissionalmente e sim porque como ser humano cedo ou tarde vamos perguntar-nos, porque estou aqui? Onde estou? Para onde vou?

Como vamos fazer frente às coisas terríveis que alguns tentam propagar com força, buscando minimizar nossa dignidade ou querendo dar-nos uma falsa idéia de determinado assunto, as quais são ditas, propostas e muitas das vezes aceitas.

Se só engolimos tudo que vemos na televisão, rádio internet..., sem nenhum espírito crítico, no sentido de pensar sobre o assunto, se ao eleger nossos representantes políticos não somos capazes de olhar um pouco a moral de tão pessoal e levamos nossa democracia como brincadeira tirando a importância de saber neste caso, eleger nossos representantes e governantes.

Se não ensinamos nas escolas as nossas crianças raciocinar corretamente, não só decorando matérias, mas como pessoas humanas buscar aprender, aprofundar, pensar e reflexionar, se aos jovens quando fazem os seus maiores questionamentos acerca da vida, ficam perdidos diante de uma saída fácil oferecida por aí, de não perder tempo com asneiras e fazer o que quiser aproveitando prazerosamente sem escrúpulos sua vida, deixando-os na superficialidade, como somos capazes de falar que as crianças e jovens (adolescentes também) de hoje são nosso futuro, que futuro nos espera assim!?. E muitas outras coisas mais poderiam ser ditas.

Realmente pensar é uma arte, uma arte sublime, que em modo geral todos podemos exercer, mas nem todos são capazes ou tem a coragem de exercê-la. Mesmo na correria que pode ser o nosso dia a dia, buscar aconselhar-se com pessoas bem formadas intelectualmente e moralmente, ler bons livros, aproveitar elementos formativos, informar se melhor sobre o mundo a sua volta, notícias etc., sabendo às vezes notar quando um meio de comunicação manipula algo; perder menos tempo vendo coisas inúteis,quando não deformativas, na TV, como o tempo perdido em BBB, por exemplo. Observar a beleza do mundo, da natureza, assim começaram os primeiros, devia ser nosso desafio para começar então exercer a arte de pensar, FILOSOFIA! Comecemos!

EHC

domingo, 25 de abril de 2010

Germes da vocação

Deus tem o seu tempo. Chama a cada um quando quer. E dentro deste tempo divino é que alguns são chamados à vida sacerdotal quando já são maiores, já terminaram seu ensino médio ou até mesmo a faculdade, outros por sua vez, percebem receber este chamado antes, quando ainda são crianças ou adolescentes.

Justamente para estes meninos que ainda não concluíram o ensino médio, mas já sentiram de algum modo o chamado de Deus para a vida sacerdotal, existe o Seminário Menor onde devem levar uma vida conveniente à idade que possuem.

O Seminário Menor diria eu, é onde se passa a infância da vocação e como diz a Santa Mãe Igreja é um lugar para “cultivar os germes da vocação” que há de se desenvolver ao passar dos anos. Por isso, no Seminário Menor juntamente com os estudos acadêmicos normais deve ir sendo formado pelo próprio seminarista com a graça de Deus, e ajuda dos responsáveis pela formação, o coração sacerdotal dele.

Roguemos a Deus que envie operários para a sua messe, e não fiquemos de braço cruzado, cada bom católico primeiro pela oração pelas vocações, depois por outros meios que estiverem ao seu alcance deve cooperar na formação destes jovens, par que tenhamos sempre sacerdotes bem formados segundo o coração de Jesus bom Pastor.

Com o ano sacerdotal temos a ocasião mais propícia para orar pelos nossos sacerdotes, seminaristas, pedir por eles incessantemente, esse é o apelo que o Papa faz dedicando esse ano ao sacerdócio.

São João Maria Vianney, rogai por nós e abençoai e livrai de todo mal nossos sacerdotes!

EHC

Respondendo a um chamado!

Hoje, IV domingo do tempo Pascual celebramos Jesus Bom Pastor e o dia das vocações, por isso nada melhor, estimado leitor, que falarmos sobre o Seminário e especificando o Seminário Menor.

O papa na sua carta a Irlanda sinalou a importância da formação nos Seminários, pois bem, hoje, falaremos sobre isso, Seminário é o lugar próprio para a formação dos seminaristas, foram criados para dar o ambiente propício e bases seguras ao futuro sacerdote. Depois do Vaticano II com a secularização e o mau entendimento do Concílio houve uma grande crise no clero e na formação dos Seminários, Seminários esvaziaram se ou, por exemplo, não se podia rezar publicamente o terço, os fiéis rezavam escondidos, pois sim, infelizmente passou isso. Com a graça de Deus hoje vivemos uma situação muito melhor na maioria dos Seminários, de onde tem saído ótimos padres segundo o coração de Cristo Bom Pastor.

A boa formação nos Seminários vai de modo geral, em quatro linhas de formação, humana (base para as outras, o seminarista deve formar suas virtudes humanas, sua moral, trato com as pessoas, como falar bem...), espiritual (um sacerdote sem oração não tem sentido, por isso o Seminário deve fomentar o espírito de oração e o candidato desde aí aprender o trato com Deus e o zelo pela liturgia), intelectual (o futuro padre deve preparar-se estudando a Filosofia e Teologia próprias da formação e também formar-se intelectualmente com outras coisas complementárias que irão ajudar o futuro ministério), e também a formação apostólica (o sacerdote e chamado a anunciar a Palavra de Deus,desde o Seminário se aprender este caráter apostólico, de testemunho que deve ter um sacerdote). O Seminário menor segue estas mesmas linhas de formação adequando a idade dos candidatos que ali ingressam e maduram a si mesmo e na sua vocação. Por isso o próximo tema será o Seminário menor.

EHC

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Descobrimento do Brasil


Hoje celebramos a descoberta de um gigante: nosso país, Brasil. Tratando-se deste dia façamos um breve recorrido histórico:
Treze caravelas partiram do rio Tejo a 9 de março de 1500, com uma frota de 1.000 homens, liderados por Pedro Álvares Cabral que seguiu a costa africana. Na altura da Guiné, seguindo as ordens recebidas, desvia-se da rota, com o propósito aparente de procurar melhores condições de vento e em 22 de abril de 1500 chegavam ao Brasil. A primeira vista, eles acreditavam tratar-se de um grande monte, e chamaram-no de Monte Pascoal. No dia 26 de abril, foi celebrada a primeira missa no Brasil.
Iam seguir em direção à Índia, Cabral, na incerteza se a terra descoberta tratava-se de um continente ou de uma grande ilha, alterou o nome para Ilha de Vera Cruz. Após exploração realizada por outras expedições portuguesas, foi descoberto tratar-se realmente de um continente, e novamente o nome foi alterado. A nova terra passou a ser chamada de Terra de Santa Cruz. Somente depois da descoberta do pau-brasil, ocorrida no ano de 1511, nosso país passou a ser chamado pelo nome que conhecemos hoje: Brasil.
Assim nos descobriu o velho continente.
“... houvemos vista de terra! A saber, primeiramente de um grande monte, muito alto e redondo, e de outras serras mais baixas ao sul dele; e de terra chã, com grandes arvoredos; ao qual o monte alto o capitão pôs o nome de ‘O Monte Pascoal’ e à terra ‘A Terra de Vera Cruz’”. Pero Vaz de Caminha.

EHC

terça-feira, 20 de abril de 2010

A arte de pensar !!!

A arte de pensar 1
Desde os primórdios o ser humano se viu curioso em saber o porquê das coisas que passavam ao seu redor, usando sua inteligência e pensamento em outras épocas o mais comum para explanar o motivo das coisas foram os mitos, segundo uma determinada cultura, por exemplo, os mais famosos são os dos Egípcios, a criação era explicada segundo eles pelas crescidas do Nilo; devido ao derretimento do gelo de um monte, surgiu a explicação do surgimento dos deusas, dos faraós, tambem havia uma cosmogonia mesopotâmica (baseada no delta do rio Tigre e Eufrates e se encontra isso em um escrito de nome: Enuma Elish, s. XXIII – XX a.C. Assim se explicava também a razão de uma seca ou de outras coisas.

Mais tarde gregos e romanos, explicariam com seus deuses a causa de tudo, havia deus para tudo, e era preciso sacrificar pois assim não se despertava a ira deles, o que se chama "pax deorum", paz dos deuses. Aqui enumeramos uma lista de alguns, emparelhando deuses gregos e latinos:

Gregos - Latinos (romanos)

AFRODITE....................Vênus – deusa da beleza e amor
APOLO..........................Apolo - deus do sol e patrono da verdade
ARES.............................Marte - deus da guerra
ÁRTEMIS .....................Diana – deusa da caça
ATENA..........................Minerva – deusa da sabedoria e protetora na guerra
CRONOS......................Saturno – deus pai de júpiter, netuno e plutao
DEMÉTER.....................Ceres – deusa da agricultura
EROS.............................Cupido – deus do amor
GÉIA..............................Terra – deusa cósmica, gerou Urano
HADES...........................Plutão – deus do inferno
HERMES........................Mercúrio – deus mensageiro dos deuses
POSEIDON....................Netuno – deus do mar
TÂNATOS......................Morte
ZEUS..............................Júpiter-deus senhor do Olimpo e da ordem universal

Porém, era tudo bastante superficial. Alguns homens de grande formação, instruídos no caminho do saber, pensadores, quiseram ir mais além, aí nasceu a filosofia.

A Filosofia desse modo nasce para explicar racionalmente a origem e astransformaçoes que ocorrem. Inicialmente os filósofos acreditavam que tudo que existia era originado a partir da natureza (phisis).

O nome filosofia vem do grego, e é composto por duas palavras, filos(amigo) e sofia (sabedoria), temos então, amigo da sabedoria, o que busca a sabedoria, o conhecimento.

Voltando aos nossos amigos pensadores. Cada um começou a observar, pensar e pensar e dar segundo seu estudo e as vezes tomando em consideração o dito já por um pensador anterior. Temos assim na historia da filosofia nossos primeiros pensadores chamados de pré-socráticos (filósofos anteriores a Sócrates. Essa divisão propriamente, se dá mais devido ao objeto de sua filosofia). Exemplos: Tales (o principio ou arché seria a água), Anaxímenes (pensava que a origem de todas as coisas teria de ser o ar ou o vapor), Heráclito (fogo como primeiro principio), e muitos outros, assim até chegar a Sócrates, depois Platão e Aristóteles sobre esses já conversaremos sobre depois.
Continuará no próximo artigo!
Bem vindo à sessão Filosofia.

EHC

sexta-feira, 16 de abril de 2010

“Diferente, mas não distante”

Hoje, sexta – feira completa Joseph Ratzinger, nosso Papa Bento XVI, seus 83 anos de vida e na segunda – feira próxima celebrará seus 5 anos de eleição para levar a cabo a missão de ser como disse antes Santa Teresinha: “ o doce Cristo na Terra”, governando a Igreja.

Há cinco anos, após um conclave bastante rápido, dois dias apenas, era anunciado depois da fumaça branca característica de tal eleição, “habemus Papam”, temos Papa, o então Cardeal, amigo e colaborador de João Paulo II, Joseph Ratzinger.

Suas primeiras palavras deixaram claro sua humildade, “o que me consola é saber que o Senhor sabe trabalhar com instrumentos débeis e insuficientes”.

Mas fica uma dúvida no ar, proposta por alguns. O tímido e humilde Papa eleito ia ser correspondido pelos jovens, ia continuar a missão de seu sempre tão carismático predecessor? A primeira grande prova seria a Jornada Mundial da Juventude na Alemanha. Mais de um milhão de jovens, não restou dúvida de seu caráter afável, e de seu sorriso, e de que seria um grande Papa e também ia conquistar os fieis católicos de todo mundo embora não viaje tanto por ele, pois como disse na missa de inauguração de seu Pontificado: “meu verdadeiro programa de governo não é fazer minha vontade, não seguir minhas próprias idéias, sim me por, junto com toda a Igreja, a escuta da palavra e vontade do Senhor... de tal modo que seja Ele mesmo que conduza a Igreja”.

“Diferente, mas não distante”. “Um Papa firme diante dos escândalos e manso diante das calúnias”. “Bento XVI, cinco anos de firmeza e renovação”, um Papa que tem clara a missão da Igreja: anunciar o amor misericordioso de Deus no mundo está é a verdade da qual ele é cooperador, na qual está nossa esperança.

Elevemos hoje nossas preces a Deus pela sua vida e pelo seu Pontificado, ambos compartidos por nós católicos com grande alegria.

Felicidades Papa Bento XVI!

EHC

Um convite

Nos últimos dias o Estado do Rio de Janeiro, principalmente Niterói, dentre outras cidades, sofreram com as fortes chuvas.


A chuva cai intensamente, vêm do monte em direção a parte baixa e com força, os resultados já sabemos. Deslizamentos de terra que levam consigo casas, estas habitadas por pessoas, sofrimento, para muitos a perda de tudo que tem, que às vezes nem é muito ou quase nada, e também a morte. Quase 300 mortos a última vez que me informei sobre este assunto, provavelmente o número tenha aumentado, infelizmente.

Com as vítimas desse desastre, gostaria que nos comprometêssemos materialmente àqueles que podem, contudo também com a oração; pelos falecidos, para que possam estar na alegria da vida eterna, para as famílias, para que reconforte seus corações sofredores pela morte de seus entes queridos e para possam recuperar pouco a pouco tudo que foi perdido.

Ao mesmo tempo tomemos este acontecimento como um convite, sim um convite que nos é feito pela natureza a olhar como estamos usufruindo dela, bem ou mau e como o fazemos. Um convite a olhar a situação de muita gente que constrói em zonas perigosas por falta de opção, e ainda olhar, sobretudo os governantes, o que pode ser feito nestas encostas para melhorar as vidas dessas pessoas.

Fluminenses, estamos com vocês, não só na alegria de sediar as Olimpíadas, mas nos unimos ao sofrimento de nossa gente brasileira.

EHC

domingo, 11 de abril de 2010

Semear o que não existe!

Outro dia, deram a notícia que o Vaticano reprovou a declaração do padre Raniero, pregador oficial do Papa, ao dizer que a perseguição que a Igreja está sofrendo agora é comparada ao anti-semitismo.

Bem, semeiam divisão onde não existe, o padre Raniero somente cita um amigo seu que é judeu e assim se expressou, e depois, o Vaticano pelo que sei e li, nada disse, na reportagem que vi passaram apenas um padre dali desaprovando tal frase, não quero dizer que cada um pode ter sua opinião e julgamento sobre tal afirmação. O Papa nada disse tampouco nenhuma congregação, para o Clero, Doutrina da Fé, dentro muitas outras oficiais do Vaticano e da Igreja nada pronunciaram, sabem muito bem como Cristo já dizia, “todo reino dividido contra si mesmo cai”, mas, não nos preocupemos, “portam inferi nom prevalebunt” (as portas do inferno não prevaleceram), e o mesmo Cristo ainda nos assegura que estará conosco até o último dia.

EHC

Alegria!!!

Morreram grandiosos e antigos faraós, foram mortos grandes homens ao largo da nossa história, César Augusto, John Kennedy, também terminaram sua vida nessa terra outros importantes personagens em seus âmbitos e poderíamos sinalar muitos, no entanto por recordar podemos rememorar de Elvis Presley, Michel Jackson, Eva Perón, Airton Senna, Martin Luther King, e muitíssimos outros mais. Morreram, são grandes personagens da História recordamos por um aspecto em que se destacaram, mas são memória e por mais que a gente queira nada mais.

Se o mesmo tivesse acontecido com Cristo, seria um mais para esta infindável lista, mas com Ele foi tudo diferente. Alegria, irmãos alegria, o Senhor ressurgiu. Ressuscitou! Sim! Venceu a morte, e por isso é muito mais que um pessoa que viveu a muitos anos e se destacou, e alguém que vive e se não fosse assim não teria sentido nossa vida e nossa fé.

Se morrendo um homem tudo aí terminasse, me desculpe mas que fazemos então, vamos aproveitar enquanto podemos, antes que tudo se acabe, que falta de sentido pensar assim, a ressurreição de Jesus, é a nossa garantia, nossa fé não é em um homem morto há bastante tempo numa cruz, cremos em alguém que vive e nos ensina que depois desta vida existe algo mais, não acabará todo aí, por mais que a morte seja dolorosa, é passagem para uma nova vida.

Então, alegria! Nós cristãos e católicos, não devemos ter vergonha de nossa fé, anunciemos ao mundo as maravilhas de Deus e tenhamos sempre em conta que devemos viver dignamente, para ser dignos de um dia estar junto com Cristo na glória do céu!

EHC

Receba cada novo artigo no seu e-mail. Basta por seu e-mail, clicar em submit, logo as letras.